4 bons motivos para apostar na venda porta a porta

4 bons motivos para apostar na venda porta a porta

Ganhar uma renda extra e, quem sabe, largar o emprego para trabalhar apenas com o que gosta. Esse é um dos principais desejos de muitas pessoas. Uma boa notícia é que essa aspiração pode ser perfeitamente encontrada com a venda porta a porta.

Esse tipo de empreendimento autônomo possui grande aceitação no mercado. E o bom é que há uma infinidade de produtos que podem ser revendidos. Vai ser quase impossível não gostar de nenhum deles.

Quer saber mais? Acompanhe este texto e conheça 4 motivos para você investir, sem medo, na venda porta a porta. Confira!

1. O mercado de venda porta a porta é grande

Quarenta e cinco bilhões de reais e 4,1 milhões de revendedores autônomos. Esse é o montante que a venda direta já conseguiu conquistar no Brasil, segundo os dados de 2017 da ABEVD.

Com bons e expressivos resultados, esses números fazem do Brasil um dos maiores mercados de venda direta do mundo. Não só as revendedoras entenderam a mina de ouro que é esse mercado, mas também as grandes empresas perceberam isso.

Para se ter uma ideia, cerca de 60 companhias fazem parte da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas. Elas oferecem seus produtos para revenda, pois sabem que o consumidor brasileiro adora a cultura da venda porta a porta. Olha que oportunidade boa para você!

2. Existem várias opções de produtos

Além de um mercado bastante convidativo, quem aposta na venda porta a porta pode escolher o que oferecer. São muitos produtos que valem a pena, agradando tanto clientes quanto revendedoras.

Um bom exemplo é a revenda de semijoias: colares, brincos, pulseiras e anéis têm uma demanda forte por parte das consumidoras femininas. Em busca de um acessório, seja para o dia a dia ou para uma ocasião especial, uma mulher vai querer escolher uma das peças oferecidas pela revendedora.

3. O risco de “quebrar” é pequeno

O fato de não haver custos fixos elevados, como aluguel e salários de funcionários, a venda porta a porta acaba se tornando bastante segura. É muito difícil encontrar uma revendedora que “perdeu tudo” por causa do seu negócio de venda direta.

Isso porque o investimento é baixo e, na pior das hipóteses, você pode ficar e usufruir da mercadoria se não vender. É possível desistir do negócio a qualquer momento, sem problemas.

4. Só depende de você

Ao contrário de outros empreendimentos em que fatores externos exercem forte influência no faturamento, na venda porta a porta costuma ser diferente.

A força de vontade da revendedora é o principal fator de sucesso da atividade. Com disciplina e perseverança é possível conquistar clientes e alavancar as vendas do negócio.

Essas são algumas das boas razões para você começar a fazer venda porta a porta. É importante saber que, para esse tipo de trabalho autônomo, é preciso fazer um planejamento eficaz. Administrar o tempo e organizar as finanças são alguns dos passos essenciais nesse estilo de vida.

Qual desses motivos mais te interessou para apostar na venda porta a porta? Conte para a gente deixando seu comentário no post!

 


Comentários