Como encontrar uma boa loja de acessórios femininos?

Como encontrar uma boa loja de acessórios femininos?

Quem nunca passou pelo aperto de precisar compor um figurino de última hora e perceber que não possui os brincos, pulseiras ou colares necessários? “Mas eu podia jurar que tinha um conjunto perfeito…”, a gente se lamenta, sem muita opção senão pedir algo emprestado ou sair desesperadamente às compras.

Nessas horas, ajuda demais conhecer uma boa loja de acessórios femininos. Se estiver logo ali, na primeira esquina, melhor ainda. Mas isso nem sempre acontece, seja porque não estamos tão habituadas com a geografia comercial da cidade, seja porque simplesmente não existe.

Mesmo quando podemos esperar alguns dias para adquirir um produto novo, saber onde encontrar o que se procura sempre quebra um galho.

Não dá para ficar muito tempo sem renovar o estoque de acessórios, não é verdade? Ou vai que você tem uma amiga especial para presentear e anda um pouco sem alternativas — quem não gosta de ganhar uma pulseira bonita, para citar um exemplo.

Enfim, não faltam motivos para querer saber como encontrar uma boa loja de acessórios femininos. Por isso, se você está em busca de referências sobre como achar esse tesouro, a seguir daremos algumas dicas. Anote aí:

Lojas de nicho são as melhores

É bem verdade que nas lojas de departamentos, tão em moda atualmente, a gente encontra quase de tudo. As mais famosas reúnem roupas, acessórios, perfumaria e mais uma pá de coisas.

No entanto, ainda que apresentem variedade no quesito vestuário, normalmente as grandes varejistas possuem uma limitada oferta nos demais quesitos. Há poucos e genéricos artigos.

As lojas segmentadas, por outro lado, são o que podemos chamar de especializadas. Cada vez mais presentes em shoppings e nas ruas de comércio mais movimentado, elas se dedicam a ocupar nichos de mercado, suprindo a demanda por determinados tipos de produto.

Qual das opções é a melhor? Seguramente a loja segmentada. Imagine um estabelecimento que venda somente bolsas e alguns itens relacionados. A chance de encontrar um modelo que seja exatamente o que você procurava é bem maior.

Por outro lado, não é sempre que temos uma loja dessas na vizinhança. Já as lojas de departamentos, essas estão em toda parte.

Lojas virtuais oferecem comodidade

Claro que muita gente ainda considera perambular pelo shopping ou pelo comércio da cidade uma forma válida de ir às compras. Talvez, em um futuro não muito distante, essa opção deixe de existir.

Não é de hoje que o chamado e-commerce vem se estruturando para suprir as necessidades do consumidor sem que este precise sair do conforto do lar.

Confiabilidade, rapidez na entrega, facilidade de pagamento, tudo isso tem feito as vendas pela internet crescerem nos últimos anos.

Obviamente, os fabricantes de acessórios femininos perceberam a oportunidade e hoje as principais marcas batem ponto na web. Outras, simplesmente nasceram no ambiente virtual (um bom exemplo é a Linda Bela, que se consolidou no segmento de semijoias com atuação exclusiva pela internet).

Com isso, uma simples pesquisa em sites de busca abre um mundo de possibilidades. Variedade de ofertas, facilidade em encontrar produtos específicos e a tranquilidade de receber a encomenda em casa fazem das lojas virtuais uma excelente opção de compra. Basta um celular, uma conexão com a internet que o comércio nunca fecha as portas.

Uma ajuda das universitárias

Enquanto esse admirável mundo novo da compra exclusiva pela rede mundial não se concretiza, dá para continuar explorando o bom e velho comércio local.

Vamos combinar: tem o seu valor manter um contato tête-à-tête com uma vendedora solícita, sabedora do seu ofício e antenada com as novidades. E é isso o que a gente encontra nessas lojas de bairro descoladas.

O problema é encontrar esse tipo de estabelecimento. Na falta de conhecimento, uma “ajuda das universitárias” vem bem a calhar.

Ou seja, pergunte por aí. Veja se alguma colega tem uma indicação bacana para dar. Alguém sempre conhece um lugar legal para comprar que a gente nem desconfiava que existia.

E pode estar ali, bem debaixo do nosso nariz. Mas, como diziam no tempo da sua avó, “quem tem boca vai a Roma”.

Uma boa relação custo-benefício

Uma vez que tenha feito a lição de casa como manda o figurino, pesquisado com cuidado e escolhido a loja de acessórios femininos que melhor se enquadra no seu perfil, é hora de saber se a dita-cuja entrega o que promete.

Isso significa que, antes de passar do namoro sério ao casamento, você precisa estabelecer alguns critérios. O mais importante deles: o custo-benefício.

O nível de satisfação que o produto sugere está à altura do preço? Ele possui qualidade compatível com o valor impresso na etiqueta? Melhor ainda: está de acordo com a sua expectativa de gasto?

Quantas vezes já nos deixamos seduzir por um produto caro para, no fim das contas, vê-lo juntar poeira no fundo da gaveta? Por muito menos, poderíamos ter adquirido um artigo com maior “usabilidade”.

Por isso, antes de gastar o seu suado dinheirinho, certifique-se de que o acessório justifica o investimento.

A compra orientada pela finalidade

Por fim, vale a pena submeter a escolha da loja de acessórios femininos à finalidade da compra. Se é para uso pessoal ou para o de terceiros (presente), o tipo de estabelecimento varia conforme o gosto.

Como falamos lá no princípio, acessórios dão ótimos presentes, mas a pessoa que o recebe pode se desapontar se o que ganhou não corresponde ao seu gosto. Isso ocorre quando orientamos a compra pelo nosso próprio perfil, desconsiderando o de quem vai usar o mimo.

Para simplificar, embora você frequente e curta uma loja ou site específico, o mais correto é avaliar se a amiga que pretende presentear compartilha da sua opinião. Senão, procure uma loja que tenha a ver com ela, e não com você.

Se for para uso pessoal, não tem mistério: é só conferir as ofertas, verificar a procedência do material e ser feliz com a loja de acessórios femininos da sua preferência. Só não vá se empolgar e ficar endividada à toa!

Bem, agora que você já sabe onde encontrar seus acessórios, que tal conferir quais os brincos que estão em alta? É só dar um clique neste post e conhecer os modelos que merecem estar no seu look.

 


Comentários