Qual é o melhor presente para namorada?

Qual é o melhor presente para namorada?

Se você sente arrepios toda vez que uma data importante se aproxima, tamanha a sua falta de ideias para agradar ao amorzinho da sua vida, devemos dizer que este é o seu dia de sorte: no post de hoje, revelaremos qual é o melhor presente para namorada.

Sabe como é: todo ano tem Natal, Dia dos Namorados, aniversário da sua boneca (alguém ainda fala assim?) etc. Após alguns anos “tapeando” a pobrezinha — dando dribles no casamento apesar da cara feia do sogrão — não há muitas novidades a apresentar.

Flores? Já foi. Bombons? Idem. Camiseta, vestido, sapato? Confere. Até o bichinho de pelúcia protocolar (e absolutamente piegas, convenhamos) já rolou.

Meu amigo, é hora de subir de nível e presentear a sua namorada com uma bela semijoia! Não tinha pensado nisso? Pois saiba que esse é, de longe, o melhor presente que você poderia dar. Por quê? Fique conosco que já vamos elencar os motivos que fazem da semijoia um regalo campeão. Acompanhe:

Ótima durabilidade

Sim, um buquê de flores é um presente singelo e delicado. A caixa de bombons agrada ao paladar. Mas, para falar a verdade, são coisas que caem melhor como mimo ocasional, uma lembrança que se dá num dia qualquer, sem data especial que a justifique.

Pense em quanto tempo leva até o chocolate ser devorado. O buquê de flores até tem um pouco mais de vida útil, mas fatalmente vai murchar e morrer. Passada a surpresa inicial, nem um nem outro estará ali para contar história (sem contar que chocolate engorda).

A semijoia, por sua vez, tem muito mais longevidade. Se tomados os devidos cuidados, poderá ser usada por vários anos. E não há dúvida de que, toda vez que tirar a peça da gaveta, ela lembrará de você (se com afeição ou desgosto, só o tempo vai dizer!).

Outra questão que influi na durabilidade do produto é a procedência. Conferir se o site é confiável e se a peça tem certificado de garantia — além de selo níquel free — é um bom indicativo de que o presente surtirá o efeito desejado.

Também por conta disso é que não devemos recorrer a bijuterias. Ainda que alguns modelos sejam bastante bonitos, elas não possuem a qualidade de uma semijoia. Como resultado, duram muito menos.

Ficam bem em qualquer garota

Quem nunca passou pelo constrangimento de presentear a namorada com uma roupa ou calçado e descobrir que errou no tamanho? Mesmo que ela, surpresa, questione se você “não sabia que eu calço 36?”, muita coisa conspira para a escolha de uma peça de vestuário dar errado.

No caso dos sapatos, tem a irritante mania dos fabricantes de usar uma escala de tamanhos nem sempre compatível com o padrão. O formato de certos modelos muitas vezes é mais apertado que os demais, causando desconforto.

Com as roupas existe o problema do caimento, do tamanho (pensamos: “Vou levar P senão ela me esculacha!”, embora o número dela, definitivamente seja um M — quando não G) e outras questões bastante subjetivas, como o gosto da moça em termos de corte e cor.

No fim, sentimos a frustração de notar que o presente que contávamos fosse arrasar ficou esquecido no fundo do guarda-roupa.

Esse tipo de desacerto ocorre com muito menos frequência quando optamos por dar semijoias. Primeiro porque a questão do tamanho praticamente inexiste (salvo anéis); segundo, ainda que devamos considerar o gosto da “cliente”, a variedade de opções é tamanha que, ao optar por modelos mais neutros, temos a garantia de fazer uma escolha certeira.

Excelente custo-benefício

Datas especiais não se importam com o seu bolso: elas chegam quer você esteja no azul quer não. E nem pense em achar que aquele “não precisa me dar nada, não” é para valer. Sua namorada vai sorrir amarelo quando vê-lo chegar na hora H de mãos vazias.

Por outro lado, talvez seja seu desejo secreto homenageá-la com um presentão. Uma joia, quem sabe? Você até já a viu suspirar diante daquele anel de brilhantes da vitrine. Sorrateiramente, conferiu o preço, pensando em fazer-lhe uma surpresa e quase desmaiou.

Mas espere aí! O smartphone dela está um bagaço! O coitado já foi tantas vezes ao chão que a tela ficou repleta de arranhões. A câmera, então, nem funciona direito. Uma olhada no folheto de ofertas da loja de celulares, porém, não foi muito animadora.

Um notebook novo? Nem pensar. Embora o aparelho que ela usa sofra apagões periódicos, advertindo sua usuária que está às portas da aposentadoria, o preço de um modelo minimamente potente apresenta mais zeros do que cabem em sua carteira.

Sua última cartada: uma viagem! Talvez algum destino exótico para lá do Atlântico ou, ao menos, uma capital histórica onde passear e conhecer monumentos e museus.

Pesquisa daqui, pesquisa de lá, e as tarifas insistem em permanecer lá no alto. Pensando melhor, seria difícil conciliar a agenda dos dois: quando um está de férias o outro trabalha, o que dificulta o planejamento.

Quer saber de uma coisa? Invista em uma semijoia. A generosa oferta de peças faz com que você encontre aquele presente refinado, quase nada diferente de uma joia, por um preço muito camarada. Vai que era justamente um colar super chique que estava faltando no look de festa da garota?

Complemente o mimo com um jantar romântico e ela irá às nuvens. Tudo isso por um excelente custo-benefício, pode apostar.

Para finalizar….

Não há dúvida de que a semijoia é o melhor presente para namorada. Senão vejamos: é romântico, fácil de adquirir (dá para comprar na internet ou em qualquer uma das tantas lojas físicas instaladas por aí) e muito benquisto pela mulherada. Quem não ama acessórios de beleza?

Sem contar que ela abre um leque de possibilidades: em determinada ocasião você pode dar um anel bacana, noutra um lindo par de brincos e, mais para a frente, um colar vistoso ou uma pulseira poderosa. Sempre que, diante da necessidade de presentear, você sofrer um apagão, pode recorrer a uma semijoia sem medo de errar.

Portanto, não existe época do ano em que dar semijoia deva ser descartado. Não tem estação mais apropriada, nem momento mais oportuno — qualquer razão basta, especialmente a mais importante delas: ver o seu “mozão” feliz da vida. E você poderá abrir aquele sorriso vitorioso de quem descobriu, afinal, qual o melhor presente para namorada (aê!).

Agora que esse saber profundo foi a você revelado, só falta um passo para alcançar o “nirvana”: acessar a loja virtual da Linda Bela e escolher a próxima semijoia maravilhosa para presentear. Vai fundo, fera!

 


Comentários