Segundo furo na orelha: quais brincos usar?

Segundo furo na orelha: quais brincos usar?

Não é de agora que possuir um segundo furo na orelha deixou de ser tabu. O tipo de coisa que só as adeptas mais “hard” dos piercings aderiam. Atualmente, aplicar mais de um pique no mesmo lóbulo (ou em qualquer outra área da orelha) é tão natural quanto o fato de ter a orelha furada para usar brincos.

Isso acontece porque o segundo furo na orelha abre uma série de possibilidades que a combinação correta de acessórios proporciona. Cria novos parâmetros de look, reforça a personalidade da usuária e oferece um efeito estético fantástico.

Pode criar um visual delicado, para desfilar em um evento especial, pode ser uma “digital” a reforçar o caráter da garota (daquelas descoladas, por exemplo) ou, ainda, pode sugerir um toque de estilo em um momento de experimentação e vaidade.

Não importa a intenção, o segundo furo na orelha está em alta e não espere que seu reinado vá terminar tão cedo. Quem curte essa tendência não vai deixar de aproveitá-la — o mais provável é que aumente o número de intervenções e tenha ainda mais lugares para explorar o uso de brincos e piercings.

Isso nos leva ao assunto de hoje: quais brincos usar. É certo que a imaginação, a situação e o gosto da usuária ditam em grande medida essa escolha. Porém, alguns acessórios obtêm um efeito realmente sofisticado quando usados no segundo furo — o que justifica este pequeno guia.

Sendo assim, vejamos quais brincos merecem ocupar esse lugar de destaque. Acompanhe:

Bolinha básica

O brinco em formato de bolinha entra na conta daqueles objetos delicados que falávamos no início desta conversa. É descolado sem parecer extravagante e pode ser usado em diferentes contextos sem destoar do propósito do look. Cai bem em um momento de descontração e também é uma boa combinação para o dia a dia.

Quem faz o estilo minimalista certamente vai apreciar usar o brinco de bolinha no segundo furo. Inclusive, é muito comum (e eficiente) combiná-lo com um acessório semelhante no furo “principal”.

Ou, ainda, colocar uma bolinha maior no furo de baixo, o que fica bem estiloso (se tiver um terceiro furo um pouco acima, dá para amplificar esse efeito ao inserir uma bolinha ainda menor).

Ponto de luz

O ponto de luz é outro tipo de acessório caracterizado pela delicadeza. É uma peça charmosa, que chama a atenção pelo brilho (proporcionado pela zircônia, a pedra que imita o diamante), o que confere um toque de classe ao look.

Em combinação com outro brinco, o ponto de luz mantém o destaque proporcionado pelas pedrinhas, sejam elas transparentes ou coloridas. Algumas garotas mais minimalistas até curtem usá-lo sozinho na orelha, mas o mais interessante é que ele acompanhe uma peça com características semelhantes.

Ou seja, que apresente o mesmo material, as mesmas pedras ou a mesma cor. Se forem peças com uma ligeira diferença de tamanho, também fica harmonioso.

Argolinhas

Pode parecer mais sensato usar uma argolinha no lóbulo e uma peça do tipo daquelas citadas acima no segundo furo, mas não pense que o contrário não funciona. Na verdade, se você quer compor um look diferenciado, para brilhar em uma ocasião especial, pode muito bem apostar nessa inversão.

O truque, realmente, é escolher bem o brinco para usar no primeiro furo. O ideal é que ele dialogue com a argola que ficará um pouco acima, seja pela composição da peça, seja pela cor do material. Esse detalhe é mais importante que o formato (que pode ser bolinha, ponto de luz ou pendente).

Argolinhas banhadas em ouro ou ródio são boas indicações. A depender da ocasião, um par de argolas é uma aposta campeã.

Místico ou religioso

Outra forma de combinação proporcionada pelo segundo furo na orelha é através do uso de acessórios com formatos geométricos ou figurativos. Nessa segunda categoria, podemos considerar entre os mais populares os objetos com motivos místicos ou de cunho religioso.

Falamos de acessórios como o olho grego, a Mão de Fátima, as cruzes, imagens de Nossa Senhora e tantos outros brincos estilizados, cuja presença no look quebra um pouco a linearidade da forma e dá leveza à composição.

Além disso, servem como uma afirmação de crenças e um desejo de atrair boas energias. Mesmo que falhem neste último requisito, esses brincos oferecem boas alternativas de uso cotidiano no segundo furo.

Trio de brincos

Como o nome sugere, os trios de brincos são acessórios vendidos juntos e destinados a garotas que curtem usar três (ou mais) brincos na orelha. Os formatos são os mais variados: podem ser pequenas argolas, pontos de luz, coraçõezinhos…

Além disso, podem ser todos idênticos, com tamanhos ligeiramente diferentes ou totalmente sortidos. Podem, ainda, ter superfície lisa ou cravejada de pedrarias, possuir a mesma cor ou serem coloridos. Finalmente, podem compor uma única peça ou serem independentes.

Tanta variedade abre um leque de possibilidades e demonstra a versatilidade dessa opção. Além disso, mesmo que você não possua um terceiro furo nem pretenda possuir, não precisa se considerar de fora dessa tendência. Ou seja, pode muito bem adquirir um trio e variar seu uso nos dois furos na orelha.

Brincos grandes

Até aqui, indicamos combinações que indicam uma predominância de brincos delicados no segundo furo. Isso, porém, não é uma regra. Você pode, por exemplo, usar um maxi brinco em conjunto com outro acessório igualmente vistoso sem problemas.

Vale ressaltar que muita menina é adepta do uso combinado de argolas grandes. Trata-se de um estilo que faz mais sentido num contexto festivo. Mesmo assim, pode ser considerado um look atraente e bastante exclusivo. Considere até mesmo inverter a ordem: passe a argola maior para cima e perceba que o resultado não fica mal.

Tudo é questão de pesar a ocasião e harmonizar o seu mix de brincos à produção. Além disso, nunca deixe de submeter a escolha do brinco para o segundo furo na orelha ao seu estilo e personalidade. Mais do que aderir a uma tendência, é necessário valorizar o seu jeito de ser. E se sentir linda e poderosa, claro!

Esperamos que você tenha curtido as dicas de hoje. Antes de nos despedir, aqui vai um convite esperto: não deixe de conferir a seção de brincos da loja virtual da Linda Bela. Ali você encontra os melhores modelos para usar em quais furos da orelha quiser. Todas as peças são livres de níquel e possuem o melhor custo-benefício do mercado. E mais: chegam aí na sua casa rapidinho. Tem coisa melhor?

 


Comentários